14.12.09

Conhecer é crer em quê?

Caminhos tenebrosos e distantes devem ser percorridos e desvendados, seres monstruosos precisam ser afrontados e animais venenosos, encarados, para que, no pico mais alto da montanha mais elevada, encontre-se uma caixa com algo muito valioso dentro, que o comodismo impede que tantos alcancem: o conhecimento.

Ter sabedoria demanda uma determinação que nem todos estão dispostos a enfrentar, pois o certo, nem sempre, é fácil. Como exemplo, há algum tempo, na praia de Jacumã, na Paraíba, para facilitar a pescaria, alguns pescadores soltaram uma bomba dentro de um rio, causando a morte e a infecção de vários peixes, que foram recolhidos para a venda. Um homem mais instruído disse que aquilo não era correto, e aqueles animais não serviam para alimentação, pois estavam contaminados, entretanto poucas pessoas acreditaram em suas palavras, alegando que depois de cozido, tudo ficaria bom. Quem confiou no rapaz e não comeu aqueles animais nada sentiu, contudo os que consumiram, logo depois, ficaram doentes, e os que não receberam o tratamento adequado pagaram pela falta de conhecimento com a vida.

Ter sapiência não é tão difícil, porém também não é simples, porque demanda dedicação. A falta do saber não está ligada à crença, à raça ou à classe social, mas está conectada à ausência da valorização da ciência, situação em que pensar não é prioridade.

22.11.09

Giro de Notícias



-->
As notícias me assustam.............................Na seção obituária
Tem tanta coisa acontecendo......................Ainda existe mais adeus
Parece até piada.........................................O ex-prefeito Celso Pitta
O que a gente está vivendo.........................Que então faleceu

Ouvi sobre uma Universidade.....................No dia da consciência negra
Que uma mulher expulsou..........................O Pitta mudou de plano
Pois dizem que o problema........................A consciência tão pesada
Foi a roupa que ela usou............................Não o levou por engano

Essa gente não entende..............................Mas o Ministério Público
Aconteceu o que ela queria........................Ainda anda investigando
Foram os 15 minutos de fama....................Que em seu velório
Que ela sonhou em ter um dia...................Andaram superfaturando

A versão brasileira,..................................A notícia mais maluca
Herbert Richers, virou lenda....................Mostra que tudo é uma zona
Saiu desse mundo....................................O Jesus não mais te ama
Assim mesmo, sem legenda......................Ele ama a Madonna.

Obs.: Agradeço ao meu amigo e "revisor" Amando Ramos. ^^
...

16.11.09

Natureza Indescritível

Vi a seguinte pergunta de Jean Paul Satre: “Quem sabe se o mundo não seria melhor sem os homens?”.


E eis a minha resposta:


Em uma imagem azul, límpida e inabitada, em um distante Planeta quase vazio, sem os seres pensantes, para entender quão belo é aquele lugar, enquanto algum Deus egoísta e super-protetor observa, de longe, sua criação, as cachoeiras derramam, em lágrimas, a solidão daquelas que, jamais, serão lidas em romances.

Fazendo movimentos rotineiros, as formigas trabalham, diariamente, acordando com o sol e dormindo, ao anoitecer, abelhas buscam alimentos nas plantas, o beija-flor procura o néctar nas flores mais lindas, a lagarta se encanta, para, depois de vinte e quatro horas, morrer como uma, incrivelmente, bela e colorida borboleta, a corrida de difícil alcance do jaguar, a branquidão da lebre, imperceptível em um campo níveo; uma onça camuflada, no meio da selva, espera a próxima vítima; a irrecusável sedução do pavão, a dança iluminada das águas-marinhas reunidas em alto mar, o aviso soante to bem-te-vi, o canto hipnotizador do uirapuru, essas artes tão perfeitas, nunca terão a chance de exibir-se a olhos contemplativos.

Quem descreverá a doçura do mel, conhecendo apenas o sabor de um beijo apaixonado e lembrará, com saudades, a magia da natureza nunca vista? Afinal, de que serve tanta exuberância sem as humildes palavras para descrever tudo?


Qual é a sua resposta?

5.11.09

Peixe Grande (História de Pescador)

Hoje a chuva intensa tomou conta do céu, e, olhando para cima, a única imagem que vejo é o negrume da noite. Há dois anos uma tempestade parecida visitava a cidade. E eu vivi aquilo de perto.

Em uma sexta-feira muito interessante, meus planos eram, depois da aula, ir pescar, pois a maré estaria cheia. Já em sala, as horas passavam como na espera de um grande peixe, e, quando fomos avisados da saída, pediram-nos que esperássemos o temporal cessar. Enquanto isso, saí às escondidas para último andar do prédio onde eu estudava, e o mar estava realmente cheio. Desci sorrateiramente para pegar meu material de pescaria no carro. Preparei tudo lá mesmo: a vara, a linha, o molinete. Voltei ao parapeito do prédio, e, dali, arremessei a isca o mais distante que pude, mas nada aconteceu. Repeti o movimento mais algumas vezes, em vão.

Tentei uma última vez, e algo mudou. Senti um peso diferente, então, encostei meus pés com firmeza no chão, apoiei meu corpo na mureta e comecei a puxar e soltar, repetidas vezes. Liguei o recolhimento automático que havia no molinete. Era um peixe gigante, que saiu da água e trouxe o engarrafamento junto. Os carros paravam como se uma carroça atrapalhasse o trânsito. Ele cavalgava, lentamente, lutando pela vida, quando, por fim, olhou-me com aqueles olhos enormes e tristonhos, que se fossem humanos, estariam chorando. Senti tanto dó, que cortei a linha, e o maior peixe que fisguei voltou saltitante, entre os carros, ao Atlântico.

Tenho a impressão de que era uma truta, que não se contentou em viver em um rio, onde limitava seu direito de crescer. Deixá-lo na terra seria privá-lo da imensidão do oceano.

9.10.09

Saindo Pela Culatra

Um professor muito astuto
Que ensinava português
Quis envergonhar uma aluna
Que conversava outra vez

Ele pediu: "Dois pronomes"
Assustada, ela respondeu:
"Ué, professor?!
Quem? Eu?"


"Diga-me dois advérbios"
Perguntou o educador
Novamente ela disse:
"Hoje não, professor"

"Advérbios interrogativos?"
O mestre quis saber
A aluna sem hesitar
Perguntou-lhe "Por quê?"

"Duas conjunções"
Pediu indignado
Apelou para um assunto
Que ainda não foi dado

A aluna tão chateada
Olhou-o sem pudor
Cruzou os braços e disse:
"Ou, nem, professor"

Aceitou aquelas respostas
Ainda, assim, tão chateado
Ficou se perguntando
O que fizera de errado

E a aluna sem entender
O que tudo aquilo era
Começou a se questionar
O que de certo fizera.

30.9.09

Receitando Chocolate

Para os chocólatras e os cinéfilos.
Uma comédia muito doce e um bolo delicioso!
Afinal, em um bar é servido comida e entretenimento!

Um filme delicioso, merece um acompanhamento de mesmo nível!

Vianne Rocher (Juliette Binoche) faz par romântico com Roux (Johnny Depp), entretanto o destaque não é para o romance dos dois, mas para a disputa entre Conde Reynaud (Alfred Molina) e Vianne. Atuações primorosas que merecem reconhecimento. Destaque para Alfred Molina que está ótimo. Juliette Binoche está maravilhosa. E Depp nem se fala!

Sabem a sensação de prazer que o chocolate dá?! Pois é, o filme também!


Chocolate Idiot Cake (chef David Lebovitz)

- 290 gr de chocolate meio amargo picado grosseiramente

- 200 gr manteiga, cortada em pedaços

- 5 ovos grandes, em temperatura ambiente

- 1 xícara (200 gr) de açúcar

Pré-aqueça o forno a 180 graus, com uma assadeira grande dentro. Unte uma forma desmontável de 20cm com manteiga e polvilhe com cacau ou chocolate em pó. Se você suspeita que a sua forma possa deixar entrar água pelo encaixe, forre o lado de fora com papel alumínio para impermeabilizar. Em banho-maria (eu usei o microondas), derreta o chocolate com a manteiga até ficar homogêneo. Reserve. Em outra tigela grande, bata ligeiramente os ovos com o açúcar. Junte a mistura de chocolate e misture bem. Não precisa bater. Despeje essa massa na forma desmontável, tampe com uma folha de alumínio e coloque na assadeira que está no forno. Coloque água quente na assadeira até chegar à metade da forma do bolo. Asse por 1h15min (o meu ficou 1h40min). Está pronto quando você encostar o dedo e a massa não grudar. Deixe esfriar bem para desenformar. Sirva em temperatura ambiente com sorvete, chantilly ou creme inglês.



11.9.09

Palavra de Mãe, acontece! (A Saga – Parte II)

Essas tecnologias ................................. Ao chegar lá pela praia
Como o tal do MSN ........................... Algo me desesperou

Aproximando as pessoas ..................... Era aquela praga loura
Desse jeito bem solene ........................ "O filho da mãe me encontrou"

Para evitar o indesejado........................Então saí desesperada
Clique apenas bloquear........................ Sem a fuga disfarçar
Foi aquilo que fiz................................. Minhas amigas entenderam
Para o pesadelo passar........................ E foram a me acompanhar

Mas morando na cidade...................... Ele estava me seguindo
Daquele mal beijador.......................... Com meu nome a gritar
Ia encontrar de novo........................... Quando achei que havia fugido
O rapaz atormentador......................... O pior estava a me esperar

Em um surto de esperteza................... Puxou o meu cabelo
Meu telefone eu não dei...................... Segurando-me enfim
A perfeita atitude................................ Disse então indignado
Que não me arrependerei................... "Você está fugindo de mim???"

E numa noite tão bonita......................."Não, estou fazendo cooper
Resolvi sair outra vez...........................Antes de entrar na balada"
Pois de toda aquela história..................Falei empurrando para longe
Fazia mais de um mês.......................... Muito mais indignada

Liguei para duas amigas.......................Minhas amigas ajudaram
Estava tudo dando certo......................A afastar-me daquela magreza
Fiquei toda arrumada...........................Mas algo no orkut
Antes de ter mamãe por perto.............Me esperava com surpresa

Não adiantou de nada..........................E lá mesmo no orkut
Me esconder desta mulher ..................Acabou nossa amizade
Que olhando bem de longe...................Envolvida pelas trevas
Veio a me repreender..........................Tenho minha liberdade


“Minha filha, eu me preocupo..............Pois foi com o Buddy Poke

Com o que pode acontecer.................Que assim aconteceu

É perigoso, querida.............................Ele me deu uma tapa

Um dia você vai saber”........................Até minha alma sofreu


Depois daquela fala.............................Mas vou sobreviver
Raios cortaram o céu...........................Depois de muita prece
Trovões calaram a noite.......................Só não posso esquecer
E o chão estremeceu............................Que palavra de mãe acontece.


Veja a Palavra de Mãe, acontece! (A Saga – Parte I), afinal tudo tem um começo!!!

Obs¹.: Desculpem a demora, mas falta de tempo e falta de criatividade não ajudam.

Obs².: O carinha é louro e magro, e, obviamente, feio... Ah, ele beija mal e é pobre. Ele também bebe e fuma. Sim, eu estava carente, com TPM e desesperada... Não se preocupem, isso não vai se repetir! =D



28.8.09

Sérgio Mallandro (Fundo do baú)

Puts eu ia demorar mais pra postar alguma coisa, mas quando vi esses vídeos, percebi que precisavam ser divulgados... Engraçados demais... ^^






"Vale a pena ver de novo", hehehe... Muito bom mesmo... ^^ Assistam aí e divirtam-se!


Obs.: Demorei a postar pq minha vida está muito corrida pesso desculpas... Mas vou separar pelo menos um dia na semana... Valeu!!!

25.8.09

Propaganda!

Fiz um texto para apresentar em sala e gostei bastante... É uma propaganda de uma Granja (fictícia, claro), mas espero que vocês gostem. O texto era para trabalhar a propaganda! ^^

Granja Fuga da Cidade

Acordar às seis horas da madrugada numa segunda-feira chuvosa e fria, tomar um bom banho gelado ao som do “MC Creu” e seu novo sucesso tocando na casa do vizinho, passar horas em um engarrafamento, chegar dez minutos atrasado e receber bronca do chefe, almoçar uma saborosa comida requentada do final de semana, enfrentar mais uma vez o trânsito tão motivador da cidade, chegar ao conforto do lar, onde a esposa está assistindo a novela das oito e você pode jantar uma sopa fria e sem sal por causa de sua hipertensão, para finalmente dormir ao som de um forró qualquer que você odeia, sabendo que amanhã é apenas terça-feira, mas todo stress só vale a pena, se no final de semana estiver a sua espera a "Granja Fuga da Cidade", por isso não perca tempo e compre a sua.

15.8.09

Professor, profissão de risco.

Desculpem-me a demora para atualizar. Mas resolvi estudar para arrumar um emprego melhor. Por que ser professor é uma profissão de risco:

- Mãe agride professora em Florianópolis;
- Professora foi assassinada em escola;
- Aluna espanca professora em Porto Alegre.

Honestamente, a cada dia que passa fico mais triste em relação a nossa sociedade. Tudo (TUDO mesmo) é resolvido na base da violência. Não existe mais conversa, é morte por cima de morte. E nossos professores são tão desvalorizados ao ponto de receber um salário mínimo (quase invisível) para serem ameaçados e agredidos.
As pessoas se orgulham de não estudar!
Como filha de professor, neta de professora e sendo professora, eu sei - sempre soube - que para ensinar é preciso dom e amor (mais amor que dom), e isso não é valorizado.
Quando vamos perceber que todos passam pelas mãos dos professores?
E que respeito é fundamental?!

2.8.09

Inclusão Digital

Graças ao meu novo coleguinha de Blog, Ora Bolhas, resolvi escrever sobre um assunto muito interessante: A Inclusão Digital.


Nossos jovens estudantes de todas as classes sociais e idades podem desfrutar das tecnologias oferecidas por esse mundo globalizado. Que maravilha, não?!
Pois é, NÃO...













Entrega-se um computador (com internet) nas mãos desses jovens, mas eles não sabem escrever... Não lê, não estuda, não aprende, mas atualiza o orkut ou o facebook toda semana... Estamos entrando em colapso, os pais presenteiam as crianças com celular, computador (com internet), mp4 (ou mp3), ps2 ou ps3, ipad, ipod, iphone, mas quando se fala em comprar livros escutamos: "Os livros são caros demais"...
Por isso a educação é um fiasco. E a sociedade brasileira não cresce.
Sim... Temos muitos pobres, miseráveis e famintos... Mas na época dos grandes gênios --- como Leonardo da Vinci --- os pais eram comerciantes que investiam com tudo na educação dos filhos. Entretanto as pessoas se preocupam apenas em comprar novas tecnologias, roupas novas, carros do ano... Transformando seus filhos em famosos(as) Jessicas, meras PIADAS encontradas no site Pérolas do orkut!

Que orgulho, hein?!

31.7.09





















Algumas coisas não merecem comentários, mas eu gosto de fazer o mal:

- Se você digitar Titanic na Wikipédia, logo abaixo nota-se o link: Elenco... E tem uma foto de Leonardo DiCaprio e o nome dele logo abaixo...
- Se você digitar Leonardo da Vinci no google, aparecerá sites sobre um famosíssimo gênio (inventor, pintor, etc)!



CÉREBRO (Definição):
Subs. Masc.

1. Substância que forma a parte anterior e superior do encéfalo.
2. Fig. Parte pensante*.
3. Inteligência.

Nota: Quando diz Parte Pensante, significa dizer: PENSE!


Obs.: Sem tempo para continuar a história, mas em breve (só o intervalo para o suspense)!!! Obrigado a todos os novos seguidores e a todos que comentam!

29.7.09

Palavra de Mãe, acontece! (A Saga – Parte I)

Nessa história de orkut..........................E já lá eu encontrei
Conheci um ‘carinha’..............................O garoto de quem falava
Que me pareceu bonito..........................Parecia ‘legalzinho’
Pela foto que ele tinha............................Mil sorrisos que me dava

E então no ‘Fest Verão’..........................Não sei se por piedade
Vi passando aquele rosto.......................Mas um beijo aceitei
Mas estava diferente..............................‘Cuidado que com meu beijo
Pois na foto era o oposto........................Outras mulheres conquistei’

Nos falamos só de ‘oi’.............................Escutei aquela frase
Ele me reconheceu..................................Mas já tinha aceitado
Dois beijinhos e apenas..........................E logo após o beijo
Foi o que ele recebeu..............................Pensei: “Ah! Coitado”

Esqueci, deixei de lado...........................Ele estava convencido
Não era nada importante.......................Que me apaixonaria
Algumas vezes nos falamos...................Mas senti tanto pavor
Ele não era irritante...............................Que sofri em agonia

Numa certa sexta à noite.......................Eu precisava gritar
...................................................................Mas estava em seus braços
“Mãe, eu quero sair................................Empurrei-o calmamente
E viver a minha idade............................E acelerei meus passos
Pois num futuro distante
Sei que vou sentir saudade”.................‘O seu beijo é uma delícia’
...................................................................Ele disse e escutei
“Minha filha me entenda........................Recomendei em sorriso falso
Quero o melhor pra você.......................“Cuidado! Muitos já conquistei”
Está noite não é boa
Olhe o céu é o porquê”...........................Me pediu o último beijo
...................................................................Que tanto tentei evitar
Porém como jovem danada...................Minha amiga tão irônica
Não queria perder a festa......................“Dê esse para findar”
“Minha mãe só exagera
Nada vejo que não presta”....................O gosto era terrível
...................................................................A boca me fazia chorar
E apenas uma amiga...............................Tive que manter as forças
Foi a me fazer companhia......................Para não ter que vomitar
Não importa, pois nós duas
Somos poços de alegria..........................Mas aprendi minha lição
................................................................E vejam se não esquece
................................................................Acalmem o fogo em casa
................................................................Pois palavra de Mãe acontece!

... Continua ...

Obs.: Baseado em fatos reais!

28.7.09

Aaaiii... Que coisa ruuuim!



Só pra divertir...
Uma diversão nada Improvável!
^^

24.7.09

Poesia (Tentativa)

Quando te vejo
Me perco em poesia
Buscando palavras belas
Mas só encontro a alegria
Fico tola e sem sentido
E só aparece o substantivo
Tão pobre e de classe fraca
E em minha mente lassa
Que viaja sem sintonia
Caçando tais adjetivos
Procurando em poesias
Mas me calo e me conformo
Pois não enriqueço minha rima
Sem o poder de qualificar
Tal sentimento sem sentido
Grito a todos escondido
Donde sopro em teimosia
"Morram todos de inveja
Pois eu só sou alegria".

Hmmm...
Só porque estou feliz!
^^

15.7.09

Bom Partido



"Menina, não deixa escapar, ele é um ótimo partido".

Espera aí!
E desde quando
EU não sou um bom partido também?!
Não suporto quando é deixado de lado as qualidades femininas para que se observe apenas as masculinas. Com a eterna desculpa que "homem bom" está difícil de encontrar.
Não acho que seja assim, a história de 'bom partido', honestamente, está ultrapassada. É difícil, duas pessoas boas, e que combinem, se encontrar. Afinal, para dar certo, 1 e 1 tem que ser igual a 1. Os dois lados devem ser valorizados.
Sim...
É difícil encontrar alguém que nos respeite, apoie, seja carinhoso(a), fiel... Mas é complicado encontrar homens ou mulheres assim.
Então... Se você encontrar (ou se já encontrou) sua
luvinha para o frio: valorize! Pois pares a venda você encontra vários, mas nem todos cabem direitinho na sua mão.
E se estiver apertando:
JOGUE FORAAAAA...

Obs.: Novo visual para o blog! Gostaram?!

2.7.09

Afinal, gostamos ou não de drama?

Assistir filmes com relações difíceis, gostarmos de pessoas distantes, vivermos amores impossíveis?! Quando comecei a namorar com esse carinha, ninguém acreditava, todos diziam que tinha sido rápido demais (Tudo bem que ele me pediu 4 vezes em namoro, para que eu só aceitasse na 5ª). Mas com três semanas que havíamos nos conhecido, estávamos namorando.
Rápido demais, demasiadamente fácil?! Honestamente, não sei!
Namorei um cara complicado que só depois que acabou descobri o quanto fui tola (após 2 anos e 3 meses). Apaixonei-me por um americano que tem medo de vir ao Brasil, pois talvez a gente não dê certo. E após alguns “namoros” que duraram 1 mês (ou menos), o que é que custa tentar ser feliz sem ter muito trabalho?!
Conheço pessoas que possuem “aquela” história de amor. Mas não acho que mereço tudo isso. Meus pais (minha base de que fidelidade existe, mesmo com mais de 27 anos de casados) são felizes e estão juntos a muito tempo, mamãe é o apoio de papai e ele segura muita barra ao lado dela. Não conheço muitos momentos românticos que os dois viveram. Ela é um poço de sentimentos e ele não é nada criativo, mas se amam e qualquer pessoa pode ver isso. Outros casais pedem conselhos a eles.
Será que é mesmo necessário kilometros de distância? Ou proibição dos pais? Ou uma grande diferença financeira? Ou impossibilidades por causa de doença ou morte, sei lá?
Eu, sinceramente, não faço questão de viver no cenário de Um amor pra recordar, Diário de uma paixão ou qualquer outro filme desses mamão com açúcar. Eu... Eu quero sentir segurança num relacionamento e dançar abraçadinha recebendo beijos no pescoço e elogios sobre o meu sorriso e os meus olhos. Posso não ser o tipo de garota que um homem atravessaria o inferno por minha causa (cito A Divina Comédia), mas sou do tipo que merece ser feliz...
Afinal, escolhi ser assim.

29.6.09

Homenagem Nerd

video

Como todos já sabem, Michael Jackson foi fazer seu "Moon walk" em outro plano. Ele teve uma vida bastante turbulenta, mas nada que negue seu talento na música e na dança. Em uma breve homenagem coloco esse vídeo (versão Nerd), para lembrar seu maior sucesso. Michael, o mito. Nem herói, nem monstro... Apenas... Michael!!!

17.6.09

Cavalo descontrolado leva o dono aos Portões do Inferno

Parecia ser uma manhã normal. Fui à universidade logo cedo, assisti aula e estava voltando para casa. Esperava o meu ônibus tranquilamente quando o incidente aconteceu.

Uma carroça passava em frente à parada de ônibus quando perdeu o controle e invadiu o giradouro próximo à universidade. Um dos passageiros foi arremessado para fora do... veículo e ficou caído sobre a grama do local. O... condutor da carruagem demorou alguns segundos para assumir de volta o controle sobre a feroz máquina de 1 cavalo de potência, amarrando-a bem ao lado do Porteiro do Inferno.


Poucos minutos depois, a figura caída levantou-se - parecia ser uma mulher de meia-idade - e junto com o "motorista" foram a um bar próximo, suponho que para pedir gelo para os hematomas dela.

A manhã teria sido normal, não fosse pelo curioso incidente. Nas mãos de um jornalista escroto, teria virado uma divertida manchete de humor negro. Mas eu cheguei primeiro.

16.6.09

Política

Aí está o que eu penso da política...
É importante conhecer um pouco,
mas o pouco que conheço não me agrada!!!

Tirinha de Mafalda

9.6.09

Um pouco de política não faz mal...

Anos de aprendizado para estudar em uma universidade federal, dedicação total ao curso de direito, aprovação na prova da OAB, para ser eliminado pela avaliação de sobrenome, sem chance de ficar na lista de espera, pois a família do deputado possui outros sobrinhos formados, no curso exigido, em uma faculdade qualquer.

Dois sobrinhos que não encontraram um emprego bom por falta de currículo, os maridos inúteis de suas duas queridas irmãs, que casam com qualquer um e as três filhas de irmãos, as quais só ocupam espaço na casa. Essas pessoas precisam fazer alguma coisa e, nada mais justo, que colocá-los para trabalhar junto ao tio (ou cunhado) Efraim Moraes. Afinal, todos são obedientes àquele que lhes deu o cargo. E para quê melhor qualificação que o sobrenome? Enfim esta foi, indiretamente, uma escolha do povo paraibano que o elegeu como Senador.

Entretanto, nem tudo dura para sempre, pois no mês de setembro, desse ano, o nosso representante, já citado, teve seus parentes exonerados por nepotismo. Em dois meses foram exonerados oitenta e sete parentes de políticos, como foi divulgado pelo Estadão. Porém, para a infelicidade dos capacitados e para a alegria dos familiares de representantes, muitas cidades e estados não possuem tal investigação, então acaba ficando 'por isso mesmo'.

O nepotismo é contra a lei, vai de encontro à moral e a ética, pois o representante que coloca o filho (ou outro) em algum cargo público está sendo desonesto com a população que o elegeu. Pois sabemos que filho de corruptor, 'corruptinho' será.

Sei que o assunto é um pouco chato, mas não custa falar alguma coisa.

3.6.09

Me apresentando

E então, aqui estamos. No começo de tudo, o que fazer, afinal? Aqui o cliente tudo pode falar, mas certamente não iremos ouvir; mas se o senhor escrever, talvez possamos ler. Entre, sente-se, abunde-se, acomode-se. A casa não é sua, faça o favor de me servir e, por favor, repare na bagunça. Bagunça, esse é nosso prato principal. Prefere ao catupiry ou com chantily? Hmmm... ambos são ótimas opções.

Mas que cabeça minha, esqueci de me apresentar: eu sou X. Sim, sou uma incógnita, a váriavel de muitas equações, o X da questão. Quer saber meu valor? Vai ter que me empurrar contra a parede, me isolar em um lado da equação. Acha que pode conseguir? Convido-lhe a tentar.

Teste - que livro você é?

Achei esse site e fiz o teste para descobrir que livro eu seria...
Deparei-me com dois resultados:
"O vampiro de Curitiba", de Dalton Trevisan
Descolado, objetivo e realista. Cult. Você deve se sentir mais à vontade longe de shoppings, da TV e de qualquer coisa que grite “cultura de massa”. Nada de meias palavras: a elas, você prefere o silêncio. Você não vê o mundo através de lentes cor-de-rosa, muito pelo contrário. Procura ver o mundo como ele é, entendê-lo, senti-lo. Às vezes, bate até aquele sentimento de exclusão, ou de solidão. Mas é o preço que se paga por ser um pouco "marginal". Não se preocupe, pois você atrai a admiração de pessoas como você: modernas no melhor sentido da palavra.
Em "O vampiro de Curitiba" (1965), Nelsinho protagoniza uma variedade de contos, nos quais ele busca satisfazer sua obsessão sexual vagando pelas ruas de Curitiba - paralelamente, esta cidade de contrastes se revela ao leitor. A temática e a forma já denunciam: este não é um livro para qualquer um. Tem que ter cabeça aberta para enfrentar a linguagem nua e crua de Trevisan, que é reverenciado pelo leitor capaz de driblar velhos ranços burgueses.

e

"Carmen – Uma biografia", de Ruy Castro
Boa história é com você mesmo. Adora ouvir, contar, recontar. As de pessoas interessantes e revolucionárias são as suas preferidas. Tem gente que liga para você só para saber das últimas fofocas. E confesse: com seu jeitinho manso e detalhista, você dá aos fatos um sabor todo especial. Além disso, não se contenta em reproduzir o que já foi dito. Por isso, se fosse um livro, você só poderia ser uma boa biografia, daquelas que faz os leitores deitarem na rede do fim de semana e se entregarem às peripécias de uma grande personagem. Aliás, você já pensou na profissão de repórter? Ou de escritor?
"Carmen – Uma Biografia" (2005), sobre Carmen Miranda, é uma das aclamadas biografias publicadas por Ruy Castro, também jornalista e tradutor, considerado um dos maiores biógrafos brasileiros.

E você? Que livro você é?

2.6.09

Em Nome do Pai


O filme “Em Nome do Pai”, com Daniel Day-Lewis, é aquele tipo de filme que a gente assiste e, depois, não assiste mais nada durante horas. Fica-se estagnado, esperando alguma reação do seu cérebro. Day-Lewis passa uma emoção que dói, o simples fato de estarmos presos a uma cadeira da sala sem poder fazer nada, dói de verdade. Observar alguém que amamos sofrendo e sem poder fazer nada, é triste demais. O sofrimento de Gerry (personagem de Daniel), demonstra uma angústia inacreditável, ele é digno de ser considerado formidável. Sua atuação foi realmente perfeita. Quando terminei de assistir fiquei horas sem reação e com o coração doendo, mas valeu a pena.
Recomendações
- Se você chora fácil e não quer chorar, não assista. Se você realmente ama seu pai, faria qualquer coisa por ele e não quer chorar, não assista;
- Caso você acha seu pai brega e as coisas que ele diz são inúteis, ASSISTA;
- Se você for um amante do cinema e ainda não assistiu esse filme, crie vergonha na cara e ASSISTA;

31.5.09

Pergunte a Tânia!!!

E em uma conversa no MSN, certo dia:

Leina says:
Taninha, amiga...

tá falando com os paqueras?

Tânia... says:
nao
sairam
Leina says:
eita

Tânia... says:
hauhauhau
e tu?
Leina says:
qual?!
só tem homem problema na minha vida
aff

Tânia... says:
xiii
homem é fogo mermu
mas ainda compro um pra mim
Leina says:
aff

Tânia... says:
só pra ter no estoque
Leina says:
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
vou juntar dinheiro
será que é muito caro?

Tânia... says:
é um pouco
e é um investimento de risco
mas vale a pena
Leina says:
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
tenho q juntar uma graninha
vai dar trabalho, mas quase tudo tem seu preço

Tânia... says:
kkkkkkkkkk
Leina says:
e se vier com defeito?
vai dar pra trocar?

Tânia... says:
o prob é esse
os com defeitos dao trabalho na autorizada
ninguem quer pegar devolta
hauhuahã
Leina says:
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
tem que jogar fora e comprar um novo, neh?!

Tânia... says:
éééeéé
Leina says:
será que os usados custam menos???

Tânia... says:
custam mais caro
vem com problemas e traumas
Leina says:
adorei

28.5.09

Sweeney Todd

Hoje, vou falar um pouco mais de cinema... E dessa vez diretamente.
Esse filme é muito bom...
Um musical do mal... Não sei se é porque gosto de Tim Burton (o diretor) ou se é porque sou apaixonada por Johnny Depp, mas gostei mesmo. A atuação de Johnny está incrível, como na maior parte dos seus filmes.
No filme observamos oposições marcantes de escuro e claro, bem e mal, alegria e tristeza, branco e preto... As opisições acontecem principalmente na tristeza do personagem principal (Depp) e na tentativa de alegria da personagem de Helena Bonham Carter demonstrado no colorido forçado, um colorido opaco. Muito bem colocado.
Quem assistir vai perceber que é bem legal...
Filminho para o final de semana...
Recomendo!

24.5.09

Fuga real, ou fuga da realidade?

Quando quero relaxar um pouco, descansar a mente e não pensar em nada, ligo a TV e assisto alguma comédia romântica. Hoje estava passando "Como perder um homem em 10 dias". Uma comédia light e divertida, cheia de momentos de 'vergonha alheia'.
Mas cito esse filme por uma dúvida que surgiu. Alguém disse que eu havia perdido o romantismo. Será verdade? A maioria dos filmes românticos que assisto, essa comédias bobinhas, os casais só acabam juntos, por que um dos dois decide ir embora. Então me pergunto: Nós mulheres queremos ser impedidas? Esperamos que na entrada do avião aquele cara que amamos nos impeça de ir? Que sejamos impedidas pelo amor?
Essa fuga, realmente, ajuda? Ou seria apenas mais uma fuga da realidade?
Se perdi o romantismo, honestamente, não sei. Mas quero viver uma história romântica, entretanto, quero um amor real, marcante, que me faça bem. Não quero alguém que me tire da realidade, ou que me impeça de seguir meu caminho. Quero alguém que caminhe lado a lado comigo.
Pergunto se vale a pena largar tudo pelo amor! Será que vale?!

18.5.09

Sente-se! Sinta-se a vontade!!!


Já faz um tempo que tenho vontade e criar um blog. E depois de algumas tentativas frustradas... Comecei a me questionar. Falar sobre o que? Cinema, Literatura, Música, Política, Sociedade, Ensino... Estava difícil de escolher... Resolvi falar de tudo um pouco. Afinal aprendemos tanto e compartilhamos tão pouco... Então podem entrar, sentar-se e fazer o pedido!

Esse é 'um lugar onde pessoas podem conversar descontraidamente sobre qualquer assunto!' (by Itu) Sintam-se a vontade!